Série: O parto – Fase Expulsiva

Vai nascer!

A fase expulsiva ou período expulsivo é o MARCO de todo trabalho de parto, é quando o bebê nasce.

Nela, as contrações são “mais leves” e mais espaçadas, muitas mulheres relatam ser o período mais tranquilo do parto. É aqui que a “vontade de empurrar” surge. Os famosos “puxos” é um reflexo desencadeado pela pressão que a cabecinha e corpinho do bebê fazem no canal de parto, dando uma vontade incontrolável de empurrar e fazer força. A cada força, o bebê desce um pouco mais pelo canal de parto e a pelve da mãe se adapta.

Foto: Divulgação

A localização da dor se altera, ficando mais na região dos músculos do assoalho pélvico, no canal vaginal e no ânus.  É comum “fazer cocô” neste momento, não se preocupe, todos estão acostumados.

Quando o topo da cabeça do bebê chega na entrada do canal vaginal, dizemos que “coroou”. A mulher pode sentir uma forte ardência na região, conhecida como círculo de fogo.

A cada contração, o bebê desce mais, o assoalho pélvico se alonga e os tecidos moles se “afrouxam” permitindo a passagem; E nesta dança tão perfeita da nossa fisiologia… O BEBÊ NASCE!

Foto: Divulgação

Dicas para o expulsivo: Faça força quando e como sentir vontade! Esteja o mais confortável possível na postura escolhida. Concentre-se no relaxamento da região perineal e entregue-se ao processo.

Fazer o preparo para o parto na Fisioterapia Pélvica é imprescindível durante a gestação para te dar consciência da região perineal e do corpo como um todo de forma que facilitem o processo.

Beatriz Delapieri

Fisio Pélvica, Doula, geminiana, faladeira e privilegiada por acompanhar mulheres se transformando diariamente. Fisioterapeuta Especializada em Saúde da Mulher com ênfase em Obstetrícia pela Federal de São Carlos há pouco mais de 3 anos. Vivendo o propósito de cuidar, desbravar e libertar a saúde pélvica de mulheres em todas as fases de suas vidas com muito amor e educação em saúde.

Deixe uma resposta