Você sabe quais as consequências de estar negativado?

Você entende as consequências de estar negativado? Vou mostrar como pedir empréstimo online e outras atitudes para solucionar seu problema!

Muitas pessoas têm medo de estar negativadas e se esforçam para manter o nome limpo. Mas, muitas vezes, elas nem entendem de fato quais são as consequências de ficar nessa situação. Por isso, fiz este texto para explicar a você o que significa estar negativado e o que você pode fazer para limpar seu nome através de estratégias como negociar a sua dívida e trocar opções caras por outras mais baratas. Então, quer aprender tudo sobre este assunto? Continue a leitura.

Foto: Pixabay

Como saber se estou negativado

Para checar se o seu nome está sujo, você precisa fazer uma consulta nos portais dos serviços de proteção de crédito, sendo os principais o Serasa e o SPC. Existem consultas gratuitas e pagas, dependendo do nível de informação que você precisa.

A opção gratuita do Serasa é pelo aplicativo ou site, em que você pode verificar a lista de dívidas negativadas das empresas parceiras, assim como o score de crédito. Já a alternativa gratuita do SPC é presencial, através de um balcão de atendimento da instituição.

 

Consequências de estar negativado

Quando a pessoa está com o nome sujo, ela sofre diversas consequências. Primeiramente, existe uma grande dificuldade de conseguir empréstimo ou financiamento. Além disso, muitos bancos não concedem cartão de crédito a negativados, porque sabem que há uma maior possibilidade dessa pessoa não pagar as suas dívidas.

Outro problema grave é o impedimento de alugar imóveis porque considera-se que você pode ser um devedor.

Quem está negativado também não pode emitir talonários de cheques. Em resumo, você fica limitado quando se encontra nessa situação. Assim, procure sempre evitá-la.

 

Estou negativado, o que fazer?

Se você checou a sua situação e viu que realmente está negativado, deverá tomar algumas atitudes para regularizar o seu nome.

Primeiramente, veja o valor exato que deve e qual taxa de juros está sendo cobrada. Além disso, também verifique há quanto tempo essa dívida está em atraso.

A partir disso, você pode entrar em contato com a sua instituição financeira para quitar o valor.

Foto: Divulgação

Negocie sua dívida

Negocie o valor da dívida. Se você é um cliente antigo do banco ou se costuma ser um bom pagador, tem um bom poder de barganha para conseguir a redução da quantia. Outra opção é negociar o número de parcelas a pagar e a taxa de juros. Os bancos costumam ser flexíveis, principalmente, após a pandemia em que muitos brasileiros ficaram desempregados.

Ajudamos a você a negociar a sua dívida e você pode comparar as diversas opções que existem, inclusive se vale a pena pegar empréstimo consignado para pagar dívidas.

 

Troque dívida cara por uma barata

Para ajudar a limpar o seu nome, você pode trocar dívidas caras por outras mais baratas. As taxas de juros dos cartões de crédito, por exemplo, costumam ser as mais altas do mercado. Você pode pegar um empréstimo para negativado online para quitar essa dívida e pagar parcelas com taxas mensais menores. Mas é claro que você deve ler com atenção os termos envolvidos em todas as transações para ter a certeza de que está fazendo um negócio positivo com taxas mais interessantes.

Foto: Divulgação

Opções de crédito para negativado

Se você busca opções de empréstimo para negativado, saiba que elas existem. O próprio Serasa oferece essa opção, assim como outras instituições como a Crefisa. Porém, os bancos mais tradicionais não costumam conceder empréstimo para negativados. Mesmo assim, muitos deles oferecem, pelo menos, opções de cartão de crédito. Assim, você consegue usar o limite do cartão como crédito. Mas tenha cuidado para não cair em dívidas novamente.

Alguns exemplos de banco que oferecem essa solução são o Nubank, o C6 Bank e o banco BV.

 

Busque educação financeira

Além de solicitar empréstimo online para quitar dívidas mais caras e fazer as outras dicas que demos durante este artigo, é muito importante que você busque educação financeira para não voltar a cometer os mesmos erros que te levaram a ficar com o nome sujo.

Isso fará com que você consiga se organizar financeiramente para pagar, ao menos, os seus custos principais. Além disso, você mapeará os seus gastos para analisar quais tipos de custo devem ser cortados e quais são as suas compras mais supérfluas.

Tudo isso resultará em um melhor controle financeiro e, como consequência, você evitará entrar novamente em dívidas.

Foto: Divulgação

Considerações finais

Este texto focou em mostrar quais são as consequências de estar negativado. Além disso, também mostramos algumas formas de resolver a sua situação para conseguir ficar com o nome limpo, como renegociando dívidas e solicitando empréstimo online para pagar taxas de juros menores.

Agora é o momento de você analisar a sua situação financeira e todas as opções que tem para optar pela melhor forma de sair das dívidas.

 

*A Coluna de Economia é veiculada toda quinta-feira, e é produzida pela equipe do site Juros Baixos (www.jurosbaixos.com.br).

Da Redação

A equipe Intertv Web traz para você as informações e notícias precisas que você precisa.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: