Rock do grupo Rosa de Saron faz teatro ‘balançar’

Formada dentro do movimento “Renovação Carismática Católica”, a banda se apresentou no sábado (29/07), no Theatro Pedro II, e levou a plateia a loucura

O grupo Rosa de Saron está em atividade desde 1988 e foi formado dentro do movimento “Renovação Carismática Católica”. Com sua nova turnê “Tour Acústico II”, a banda se apresentou no sábado (29/07), no Theatro Pedro II, em Ribeirão Preto, e levou um grande público, o qual pode cantar os maiores sucessos do mais recente trabalho do grupo, bem como relembrar aqueles hits que nunca sairão da cabeça.

Formada por Guilherme de Sá (voz), Eduardo Faro (guitarra), Rogério Feltrin (baixo), e Wellington Grevão (bateria) o conjunto de Campinas (SP) completa 29 anos de carreira. Entre as canções que fizeram parte do repertório dos músicos estiveram “Linda Menina”, “Sol da Meia Noite” e “Menos de Um Segundo”.

Tendo toda a proposta estética inspirada na obra do cineasta francês George Méliès, um dos precursores do cinema do final do século XIX e começo do século XX, o álbum “Acústico e Ao Vivo 2/3” é composto por 19 músicas que marcaram a carreira da Banda desde o DVD “Rosa de Saron – Acústico Ao Vivo”, lançado em 2008. Foi gravado em duas sessões nas instalações da Rede Século 21, em Valinhos (SP), em Julho de 2015.

O Rosa de Saron contabiliza 150 mil acessos/mês no site oficial, mais de 2,9 milhões de fãs no Facebook e mais de 40 milhões de views em seu canal do Youtube. Também alcança o topo do ranking das bandas de rock nacional mais tocadas nos sites Sonora e Vagalume.

Apesar de todo reconhecimento e crescimento durante os anos, o objetivo do grupo continua o mesmo dos seus primeiros ensaios: Fazer rock com qualidade levando uma mensagem cristã de esperança, fé e amor para todos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Kennedy Oliveira

É formado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pelas Faculdades COC (atualmente Estácio). É pós-graduado em Comunicação: linguagens midiáticas, pelo Centro Universitário Barão de Mauá.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: