Andréa vai cantar o amor em prol de duas entidades beneficentes

Dentista, professora da Faculdade de Odontologia da USP de Ribeirão Preto e uma cantora com um timbre de voz inigualável. Estou falando da santarrosense Andréa Cândido dos Reis que se apresenta no Teatro Municipal de Ribeirão Preto, no dia 16 de maio, às 20 horas.

“Um concerto que vai viajar pelo mundo, porque vou cantar em oito idiomas”, explica.

Andréa descobriu o amor pela música ainda bebê. A mãe Maria Aparecida Argeri dos Reis se recorda da filha cantando quando tinha apenas dois anos.

“Minha mãe diz que enquanto ela trabalhava eu cantava. Quando cresci tinha apenas um rádio em casa e eu monopolizava o aparelho porque amava cantar”.

Andrea ganhou do pai Aureliano um violão e resolveu fazer música com o maestro Maurílio de Oliveira Júnior, na Estação da Cultura de Santa Rosa de Viterbo. Ela também cantou em casamentos, mas nunca pensou em seguir carreira artistica.

Fez cursinho, estudou muito e passou em Odontologia na USP, mas tinha um problema: ela não tinha dinheiro para comprar os equipamentos que a faculdade exigia. A solução apareceu na forma de um concurso de calouros. Quem ganhasse levaria como prêmio os principais equipamentos que um estudade de Odonto necessitava para cursar a universidade.

“Eu fui morrendo de vergonha. A aluna mais quietinha da classe cantou e ganhou o prêmio. Eu fiquei muito feliz. A partir daí começaram a me chamar para cantar em vários eventos”.

Andréa ganhou concursos, participou de vários projetos musicais, mas pensou em fazer o espetáculo com apenas um propósito: ajudar duas entidades beneficentes que estão em dificuldades financeiras. A Casa do Vovô, de Ribeirão Preto, e o Lar Francisco de Paula, de Santa Rosa de Viterbo.

“Eu amo cantar e quero dar de presente para os meus amigos este momento especial para mim, mas também quero ajudar as pessoas que precisa, por isso, toda a renda do espetáculo séra revertida para as entidades”.

Ingressos

Os ingressos custam R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada) para todos os setores – plateia, frisa, balcão nobre, balcão simples e galeria. Estudantes com documento da instituição, idosos com a apresentação de cédula de identidade (RG) e professores mediante documentação comprobatória (holerite) pagam meia.

Estão à venda na bilheteria do Theatro Pedro II, na rua Álvares Cabral nº 370, no Quarteirão Paulista, no Centro Histórico de Ribeirão Preto. O espaço tem capacidade para acomodar 1,3 mil pessoas e o telefone é (16) 3977-8111. Mais informações pelo e-mail andreare73@yahoo.com.br ou no telefone (16) 98126-7336.

Jucimara de Pauda

Jucimara de Pauda é jornalista, pedagoga, educadora social, blogueira e booktuber. Ela escreve no A Cidade On, fala sobre literatura no Canal Livros sem frescura e comenta sobre tudo e todos no jusemfrescura.blogspot.com.br

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: