Satchmo – Luis Armstrong

Luis Armstrong, é quase uma personificação do Jazz. Com seu trompete e com sua voz de timbre característico, o músico é sem dúvida, um dos ícone do Dixieland e do Jazz tradicional.

Nascido em 04 de agosto de 1901 numa família muito pobre em New Orleans, Louisiana, Luis Daniel Armstrong, apelidado de Satchmo, conheceu dias muito difíceis na sua juventude, mas também retirou inspiração desses momentos. O músico disse sobre ele mesmo: “Todas as vezes que eu fecho os meus olhos tocando meu trompete, eu olho no coração da velha e boa New Orleans… Ela me deu algo pelo que viver” e “Eu tive o meu trompete, uma vida linda, uma família, o Jazz … Agora estou completo”.

Luis Armstrong morreu em 1971, aos 69 anos de idade, após uma longa e bem sucedida carreira na música e no cinema.

O álbum de estreia em 1923 foi na “King Oliver’s Creole Jazz Band”

Desde a estreia até seu último álbum, foram muitas gravações em mais de 12 álbuns. Armstrong também teve uma ativa carreira no cinema e a partir de 1930, participou de vários filmes. Do primeiro (Ex-Flame) ao último (Hello Doly) foram mais de 30 filmes.

Entre as várias parcerias musicais na carreira de Satchmo estão outros ícones do jazz e da música norte-americana como Billie Holiday, Ella Fitzgerald e Frank Sinatra.

Uma das canções mais famosas da carreira de Luis Armstrong é a mundialmente conhecida “What a Wonderful World”.

Como o próprio Luis Armstrong disse: “Músicos não se aposentam. Eles param quando não há mais música dentro deles”.

Felizmente a música que existia dentro dele continua viva no nosso maravilhoso mundo através das suas gravações e filmes.

Luciano Duarte

Luciano Duarte é músico, graduado em Música Popular pela Unicamp. Morou e atuou na Europa por três anos. É professor de música e atualmente trabalha como guitarrista de orquestras em navios de cruzeiros tocando com músicos do mundo todo, tendo passado por quase 30 países até o momento.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: