Maria Rita encanta público com apresentação de clássicos do samba

Cantora, compositora e produtora musical apresentou “Samba da Maria”, projeto com o qual, desde 2015, vem percorrendo diversas cidades do Brasil e do exterior.

A cantora Maria Rita encantou o público que esteve presente no Centro de Eventos RibeirãoShopping, em Ribeirão Preto (SP), no sábado (07/05). Realizado pela Virazóm, o espetáculo celebrou os clássicos do samba.

Vencedora de oito estatuetas do Grammy Latino, a artista apresentou seu “Samba da Maria”, projeto com o qual, desde 2015, vem percorrendo diversas cidades do Brasil e do mundo. Desde que lançou o álbum “Samba Meu”, em 2003, Maria Rita transita com imensa desenvoltura no universo do samba e hoje está consolidada como uma das grandes artistas do gênero.

Esbanjando samba no pé e bom humor Maria trouxe diversos sucessos de sua discografia, como “Tá Perdoado”, “Maltratar Não é Direito” e “Num Corpo Só”, além de clássicos imortalizados nas vozes de grandes nomes da música brasileira, como Beth Carvalho (“Vou Festejar”), Jorge Aragão (“Coisa de Pele”, “Lucidez”), Clara Nunes (“Juízo Final”), Gonzaguinha (“É”, “O Homem Falou”), Elis Regina (“O Bêbado e a Equilibrista”) e Arlindo Cruz (“O Meu Lugar”), entre outros.

Foto: Kennedy Oliveira

A cantora foi acompanhada por Leandro Pereira (violão 7 cordas), Fred Camacho (banjo e cavaquinho), Vinícius Feijão (pandeiro), Jorge Quininho (percussão) e Adilson Didão (percussão).

Maria Rita é uma das maiores e mais premiadas vozes da música brasileira, ela começou a cantar profissionalmente aos 24 anos. Filha da cantora Elis Regina e do músico César Camargo Mariano, ela entrou no mercado fonográfico de forma arrebatadora, vendendo um milhão de cópias de seu disco de estreia, “Maria Rita” (2003), que rendeu a ela três Grammy Latino, nas categorias Melhor Álbum de MPB, Melhor Canção em Português (“A festa”) e de Revelação do Ano – a única artista do país até hoje a vencer um troféu nesta categoria.

Kennedy Oliveira

É formado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pelas Faculdades COC (atualmente Estácio). É pós-graduado em Comunicação: linguagens midiáticas, pelo Centro Universitário Barão de Mauá.

Deixe uma resposta