Orientação profissional

É comum termos dúvidas nos momentos decisivos em nossas vidas. Mudar ou não, ficar ou partir, aceitar ou recusar… E no momento da escolha profissional a indecisão pode tomar conta. A pressão de fazer uma faculdade, de escolher certo, de sair direto do ensino médio para o superior, ser bem sucedido, ganhar dinheiro, ter sucesso, escolher certo… Cada dia aumentam as cobranças sociais de ser tudo no “tempo certo”, mas será que é certo mesmo? Precisamos fazer tudo e ter tudo planejado como os outros pensam?

As pessoas valorizam resultados e certezas imediatas, sem reconheceram a importância dos questionamentos e das experiências. Nada em nossas vidas precisa ser “pra sempre”, podemos mudar de ideia, nós mudamos. Como escolher algo para o nosso futuro, se não nos conhecemos, ou não conhecemos se queremos realmente as opções que temos?

Nessas horas de stress e anseios realizar uma orientação profissional pode aliviar a ansiedade e mostrar formas de pensar no futuro profissional. A orientação não serve apenas para alunos do ensino médio, serve também para adultos não realizados ou satisfeitos em suas carreiras, ou até mesmo os que querem progredir.

Muitos sites oferecem testes vocacionais, mas estes consideram apenas uma face do indivíduo que o realiza, e muitas vezes não tem bons resultados. Na orientação profissional considera-se o autoconhecimento, a etapa da vida, maturidade, influências sociais e familiares, economia, planos futuros e ideais de vida, além das experiências e valores que cada um traz consigo.

A orientação profissional/vocacional trabalha o autoconhecimento, o conhecimento sobre cada profissão (campo de atuações, possibilidade, crescimento, faixa salarial, possibilidade de crescimento, saturação de mercado, entre outras características) além de sonhos e objetivos de vida, testes que ajudam no conhecimento de habilidades, aptidões e possibilidades.

O objetivo é associar esses campos e sugerir caminhos para a escolha profissional com vários atendimentos e muita pesquisa, mas a escolha sempre é pessoal. Você é responsável pelo sua decisão e escolha, mas ela não precisa ser realizada sozinha ou imposta por qualquer pessoa que seja.

Yasmin Paciulo Capato

Yasmin Paciulo Capato é Psicóloga (CRP: 06 / 136448) clínica e atende as especialidade de Psicoterapia, Orientação Vocacional e Psicodiagnóstico na Clínica Vitalli.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: