Brasil dissemina conhecimento em câncer de mama

Cirurgia oncoplástica é ensinada a médicos nos Estados Unidos por mastologista de Ribeirão Preto.

Mais uma vez o mastologista ribeirão-pretano, Gustavo Zucca, segue para os Estados Unidos para dar curso de oncoplastia a médicos daquele país. Cirurgia oncoplástica significa usar técnicas de cirurgia plástica para tratar o câncer de mama e fazer, dessa maneira, que a paciente da doença consiga a melhor estética na mama operada. Os estudos deste tipo de tratamento começaram nos anos 1990 em vários países e o Brasil foi o primeiro no mundo a publicar trabalho científico sobre o tema pela USP-Ribeirão.

O primeiro centro de treinamento em oncoplástica no país foi idealizado aqui na região pelo mastologista Zucca e o ginecologista Angelo Matthes, no Hospital do Amor, em Barretos, quando formaram 56 profissionais.

Dr. Gustavo Zucca é mastologista e junto com médicos brasileiros apresentará trabalhos em Las Vegas, Espanha e Nova Zelândia

“Conhecimento não pode ter limite. Ele deve ser disseminado para ajudar no melhor tratamento da paciente com câncer de mama”, afirma Dr. Zucca.

Dessa vez, o destino do médico é Las Vegas, na School of Oncoplastic Surgery, uma entidade internacional, sem fins lucrativos, para curso teórico-prático com demonstrações cirúrgicas em cadáveres e simuladores Mastotrainers. Em fevereiro, ele ministra curso na Espanha e, em maio, na Nova Zelândia.

“Não só a cirurgia oncoplástica é contemplada, mas também ensinamos a reconstrução da mama afetada pela doença. É o Brasil exportando conhecimento. Esse é o propósito das minhas viagens e de colegas brasileiros”, finaliza o mastologista.

Renata Canales

É jornalista, graduada em Comunicação Social pela Escola de Comunicações e Artes da USP, com habilitação em Rádio e Televisão, e habilitação em jornalismo pela Universidade de Ribeirão Preto. Além de ser Mestre em Filosofia da Educação pela Universidade Federal de São Carlos.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: