Ciranda de Ritmos com Lia de Itamaracá será apresentado no Sesc Ribeirão

Ícone da ciranda no Brasil, patrimônio vivo da cultura de Pernambuco, Lia canta no show suas composições, de autores da música popular brasileira e de domínio público.

O Sesc Ribeirão recebe no domingo (08/09), às 16h30, o show Ciranda de Ritmos com Lia de Itamaracá, que leva o público por uma viagem pela sonoridade do nordeste pernambucano, com canções de sua autoria, de compositores da MPB e de domínio público.

O show Ciranda de Ritmos, que já passou por quase todo o Brasil e esteve três vezes na Europa, promove um encontro entre coco, maracatu, frevo, maxixe e ciranda.  E apresenta composições de Lia, como “Moça Namoradeira” e “Santa Tereza”, além de canções de Bezerra do Sax, Baracho e Capiba, e clássicos da MPB de Dorival Caymmi, Clementina de Jesus, Martinho da Vila e Chico César.

Foto: Divulgação

Maria Madalena Correia do Nascimento, a Lia de Itamaracá (75 anos), nasceu e sempre viveu na Ilha de Itamaracá. A cantora, compositora e dançarina é um ícone da cultura nordestina, figura chave da ciranda no Brasil e patrimônio vivo do Estado de Pernambuco.

Influenciou a música de Chico Science & Nação Zumbi e da geração manguebeat, foi homenageada por Paulinho da Viola com os versos “Eu sou Lia da beira do mar, morena queimada do sal e do sol, da Ilha de Itamaracá”, na composição Eu Sou Lia, e também participou, recentemente, do premiado disco Galanga Livre (2017), de Rincon Sapiência.

Lia de Itamaracá gravou seu primeiro disco, Rainha da Ciranda, em 1977. A obra introduziu a artista na história da cultura popular brasileira com versos como “Essa ciranda quem me deu foi Lia, que mora na Ilha de Itamaracá”. Palavras indissociáveis da cantora e compositora e da ciranda. Há cinco décadas, a artista leva com perseverança e resistência sua arte além dos circuitos folclóricos, regional ou de cultura popular.

Foto: Divulgação

Em 2004, a cirandeira recebeu a Ordem do Mérito Cultural (OMC), premiação concedida pelo Ministério da Cultura a personalidades que contribuem de forma valiosa para a cultura do Brasil, no mesmo ano em que nomes como Caetano Veloso, Pelé, Danilo Miranda e Inezita Barroso também foram condecorados. E em 2019 Lia foi a grande homenageada dos maiores Blocos de Carnaval do Brasil, Galo da Madrugada e Homem da Meia Noite.

Foto: Divulgação

O show é gratuito, entretanto os interessados precisam fazer a retirada dos ingressos uma hora antes, diretamente no Sesc Ribeirão Preto (Rua Tibiriçá, 50 – Centro).

Da Redação

A equipe Intertv Web traz para você as informações e notícias precisas que você precisa.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: