Confira o que acontece no agronegócio

O que acontece durante a semana no agronegócio você acompanha aqui na Intertv Web.

O colunista Gustavo Batista traz toda semana na coluna “Agro Minuto”, o que no mundo do agronegócio. Acompanhem!

ETANOL DE MILHO

A produção de etanol de milho segue em destaque no início de fevereiro. Na primeira metade do mês, dos 133,57 milhões de litros de biocombustível produzidos pelas unidades da região Centro-Sul, 110,88 milhões de litros foram a partir do milho.

SAFRA DE CANA

A moagem de cana-de-açúcar na primeira quinzena de fevereiro somou apenas 486,89 mil toneladas e a produção de açúcar totalizou 21,35 mil toneladas. No acumulado desde o início da safra 2020/2021 a moagem atingiu 598,12 milhões de toneladas, 3,22% superior às 579,47 milhões de toneladas verificadas no mesmo período do ciclo passado. Até o final da primeira quinzena do mês, estavam em operação 3 unidades produtoras com processamento de cana-de-açúcar, 5 unidades com fabricação exclusiva de etanol de milho e outras 2 usinas processando ambas as matérias-primas.

A produção de etanol de milho segue em destaque no início de 2021
Foto: Sociedade Brasileira de Agricultura

PRODUÇÃO DE AÇÚCAR E DE ETANOL

A safra de cana 2020/2021 tem crescimento de 44,25% na produção de açúcar. Foram 38,21 milhões de toneladas fabricadas no atual ciclo ante 26,49 milhões de toneladas no mesmo período da safra 2019/2020.

Já a produção acumulada de etanol, de 29,68 bilhões de litros, representa uma queda de 8,54% sobre os 32,45 bilhões de litros da safra 2019/2020, sendo 19,97 bilhões de litros de etanol hidratado e 9,71 bilhões de litros de etanol anidro.

ESTIMATIVA SAFRA DE GRÃOS

As condições das lavouras de soja melhoraram após um começo de temporada marcado pela irregularidade climática, que atrasou o plantio e comprometeu o desempenho das variedades precoces. A melhora nas expectativas fez a Agroconsult, aumentar as estimativas para a produção brasileira de soja 20/21 para 134 milhões de toneladas, 1,6 milhão de toneladas acima do número divulgado anteriormente. A área plantada é estimada em 38,4 milhões de hectares.

O Mato Grosso deverá colher uma boa safra, mesmo com uma produtividade média de 57,7 sacas por hectare, inferior as 60 sacas por hectare da safra 19/20. Já no Rio Grande do Sul,  as lavouras se desenvolvem bem desde o fim do ano passado, após a regularização do clima e a estimativa de produtividade no estado subiu para 55 sacas por hectare (na safra passada, marcada por uma forte seca, foram colhidas apenas 36,2 sacas por hectare no estado).

As condições das lavouras de soja melhoraram após um começo de temporada marcado pela irregularidade climática
Foto: FarmNews

PRÉ-CUSTEIO AGRO

O Banco do Brasil anunciou R$ 16 bilhões para o custeio antecipado das atividades agrícolas na safra 2021/22. No custeio antecipado, o produtor rural pode usar o crédito para adquirir antecipadamente insumos, tratos da lavoura, mudas e sementes, ração e medicamentos. Com a compra antecipada, o produtor rural consegue melhores condições de preço e mercado. O pré-custeio está disponível para as lavouras de soja, milho verão, algodão, arroz, cana-de-açúcar e café. No crédito antecipado, as taxas de juros são de 5% ao ano para médios produtores e 6% ao ano para demais produtores.

PREÇO LEITE

O preço do leite no campo caiu pelo segundo mês consecutivo, acumulando queda real de 6,7% neste primeiro bimestre. De acordo com pesquisas do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, da Esalq/USP, o preço do leite captado em janeiro e pago aos produtores em fevereiro recuou 2,2% na “Média Brasil” líquida, chegando a R$ 1,98/litro. É a primeira vez em seis meses que o preço fica abaixo do patamar de R$ 2,00/l. Ainda assim, o valor é 34,5% maior que o registrado no mesmo período do ano passado.

O Banco do Brasil anunciou R$ 16 bilhões para o custeio antecipado das atividades agrícolas na safra 2021/22
Foto: Divulgação

EXPORTAÇÕES AGRO SP

Em janeiro, as exportações do agronegócio paulista apresentaram aumento de 3,8%, alcançando US$ 1,08 bilhão, enquanto as importações registraram queda de 11,6%, totalizando US$ 380 milhões. Com esses resultados, obteve-se superávit de US$ 700 milhões, montante 14,8% superior ao mesmo período de 2020, informa Instituto de Economia Agrícola. Os principais grupos nas exportações do agronegócio paulista foram: Complexo Sucroalcooleiro (US$ 406,76 milhões, sendo o açúcar responsável por 88,2% desse total e o álcool, 11,8%), Carnes (US$ 142,37 milhões, dos quais a carne bovina respondeu por 88,4%), Sucos (US$ 137,31 milhões, dos quais 98,5% referentes a sucos de laranja), Produtos Florestais (US$ 121,89 milhões, com participações de 51,4% de papel e de 34,5% de celulose) e Café (US$ 59,15 milhões, dos quais 75,1% referentes ao café verde). Esses cinco agregados representaram 80% das vendas externas setoriais paulistas.

PREÇO ARROBA

O boi gordo vem sendo negociado acima dos R$ 300,00 desde o início de fevereiro, segundo apontam dados do Centros de pesquisas da USP. No acumulado do ano o avanço ainda é de fortes 12,11%. Pesquisadores apontam que apesar de as demandas domésticas e internacionais estarem enfraquecidas nestas primeiras semanas de 2021, a baixa oferta de animais prontos para o abate ainda sustenta o movimento de aumento nos valores da arroba.

O boi gordo vem sendo negociado acima dos R$ 300,00 desde o início de fevereiro
Foto: Divulgação

Gustavo Batista

Gustavo Batista é jornalista há 20 anos com pós-graduação em gestão de comunicação. Tem experiência em rádio, tv, assessoria de imprensa e meios digitais. Já atuou em canais de tv como TV Clube, TV Record e TV Thathi. Atua há 10 anos no setor de Agronegócio.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: