Confira o que acontece no agronegócio

O que acontece durante a semana no agronegócio você acompanha aqui na Intertv Web.

O colunista Gustavo Batista traz toda semana na coluna “Agro Minuto”, o que no mundo do agronegócio. Acompanhem!

SAFRA DE LARANJA 2020/2021

A safra de laranja 2020/21 do cinturão citrícola de São Paulo e Triângulo/Sudoeste Mineiro foi finalizada em 268,63 milhões de caixas de 40,8 kg, de acordo com dados publicados pelo Fundecitrus. O volume final é 6,65% menor do que o projetado inicialmente, em maio de 2020, e 30,55% menor do que o produzido no ciclo 2019/20, confirmando a maior quebra de safra já registrada desde o início da série histórica, em 1988. Os motivos para a quebra são o ciclo bienal da cultura e o clima extremamente adverso ao longo da safra.

Essa combinação ainda deixou os frutos 6,5% menores do que a média das últimas cinco safras (158g), provocou a maior taxa de queda de frutos já medida (21,6%) e causou a morte de mais de 1,3 milhão de árvores. 

Próxima safra

Devido às restrições impostas pela pandemia no estado de São Paulo, o anúncio da estimativa da safra 2021/22, tradicionalmente feito na primeira quinzena de maio, será em 27 de maio, às 10h, por meio de transmissão ao vivo pelo canal do Fundecitrus no Youtube (www.youtube.com/fundecitrus).

A safra de laranja 2020/21 do cinturão citrícola de São Paulo e Triângulo/Sudoeste Mineiro foi finalizada em 268,63 milhões de caixas de 40,8 kg
Foto: Fundecitrus

EXPORTAÇÃO ALGODÃO

O setor algodoeiro brasileiro segue avançando e quebrando marcas históricas. Durante março, o Brasil registrou um novo recorde de exportações de algodão, com as vendas externas totalizando 221.948 toneladas da pluma, 58% acima do volume embarcado no mesmo mês de 2020, tornando- se o melhor mês de março da história dos embarques. Mato Grosso do Sul segue na liderança da produtividade e a China como o principal destino.

SAFRA AMENDOIM

A colheita de amendoim, safra 2020/2021, já ultrapassa a marca dos 65% de volume entregue, na região de Jaboticabal/SP, Capital do Amendoim no Brasil. Os produtores conseguiram fazer a colheita render bastante, retirar o amendoim e devolver a área para as usinas seguirem com o novo plantio de cana-de-açúcar. Segundo o sétimo levantamento de safra 2020/2021 pela Companhia Nacional de Abastecimento, a estimativa é de crescimento de 3,1% na área plantada em relação ao ciclo anterior. Em todo o Brasil, é esperado que sejam colhidas 595,8 mil toneladas de amendoim em casca, sendo que na safra passada foram 557,5 mil toneladas. O Estado de São Paulo é o maior produtor de amendoim do país, representando, aproximadamente, 93% da produção nacional.

A colheita de amendoim, safra 2020/2021, já ultrapassa a marca dos 65% de volume entregue, na região de Jaboticabal/SP, Capital do Amendoim no Brasil
Foto: Revista Campo e Negócios

EXPORTAÇÕES DE OVO

As exportações brasileiras de ovos (in natura e processados) mantiveram ritmo fortemente positivo no fechamento do primeiro trimestre, informa a Associação Brasileira de Proteína Animal. O volume exportado no período alcançou 3,773 mil toneladas, número 142,5% maior que o obtido no mesmo período de 2020, quando foram exportadas 1,556 mil toneladas. A receita acumulada com os embarques do setor alcançou US$ 5,01 milhões, número 154,3% maior que o obtido no primeiro trimestre de 2020, com US$ 2 milhões. Os Emirados Árabes Unidos foram o principal destino das exportações.

As exportações brasileiras de ovos (in natura e processados) mantiveram ritmo fortemente positivo no fechamento do primeiro trimestre
Foto: A Lavoura

Gustavo Batista

Gustavo Batista é jornalista há 20 anos com pós-graduação em gestão de comunicação. Tem experiência em rádio, tv, assessoria de imprensa e meios digitais. Já atuou em canais de tv como TV Clube, TV Record e TV Thathi. Atua há 10 anos no setor de Agronegócio.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: