Museu de História Natural de Cravinhos participa da “Primavera dos Museus”

Evento contou com Oficina de Dobradura, show musical e diversão com vários personagens.

O tradicional evento “Primavera dos Museus”, organizado anualmente pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), teve a adesão em 2021 do Museu de História Natural de Cravinhos “Wladimir Chaves”, apesar de ainda estarmos em Pandemia, a instituição com o apoio da Prefeitura Municipal e a Secretaria de Cultura e Turismo conseguiu realizar uma programação diversificada nos dias 24 e 25 de setembro.

“O evento foi aberto a toda comunidade para que pudesse se dirigir até o museu e ver de perto esse local que é encantador e uma referência estadual”, diz a secretária de Cultura e Turismo de Cravinhos, Andréa Gaspar.

Foto: Andreza Cordeiro

O tema da 15ª edição do evento foi “Museus: Perdas e Recomeços”, que possibilitou promover discussões e reflexões sobre a atuação dos museus nos momentos de crise.

“Muitas pessoas pensam que o museu é lugar de coisa antiga e velha, mas não é isso. O nosso Museu tem diversos animais de várias partes do planeta, que podem ser vistos de perto e com muita interação”, avalia o coordenador do Museu de História Natural de Cravinhos, Hugo Araújo Tormente Júnior.

Na sexta-feira (24/09) o Museu de Cravinhos promoveu a Oficina de Dobradura e uma experiência de visitação do local, através de óculos de realidade virtual. Já no sábado (25/09), o museu cravinhense recebeu uma programação diversificada com Oficina de Dobraduras, e muita música com o cantor cravinhense Luciano Duarte e a Banda Triângulo do Sol.

Também houve diversos personagens que fizeram diversas performances durante as apresentações musicais. E para quem quer conhecer o Museu de História Natural de Cravinhos “Wladimir Chaves”, ele fica localizado na Avenida Corifeu de Azevedo Marques, 71, Centro. A entrada é gratuita.

Kennedy Oliveira

É formado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pelas Faculdades COC (atualmente Estácio). É pós-graduado em Comunicação: linguagens midiáticas, pelo Centro Universitário Barão de Mauá.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: