Os benefícios da Pitaya

A pitaya é uma fruta originária do México e dos países da América Central e ganhou espaço no mercado brasileiro. Ela possui aparência exótica, sabor doce e suave, polpa firme e apresenta propriedades funcionais. A polpa (mesocarpo) é a parte comestível do fruto apresentando sementes pequenas e macias, distribuídas homogeneamente, e representa de 60 a 80% do peso dos frutos maduros. As versões mais consumidas são a de casca rosa com polpa avermelhada e a de casca rosa com a polpa branca (mais fácil de ser encontrada). 

A pitaya possui sabor doce, porém não possui muitas calorias. Devido aos seus elevados conteúdos de compostos fenólicos, a pitaya é considerada uma fonte de antioxidantes naturais com propriedades biológicas que estão implicadas diretamente com benefícios à saúde. Além disso, é uma fonte de fósforo, ferro, betacaroteno, licopeno e vitamina E e C. Seus altos níveis de Vitamina C, são um dos ativos mais importante para o sistema imunológico de seu corpo, e que estimulam a atividade de outros antioxidantes. 

A casca da pitaya merece atenção especial para a sua escolha no supermercado, porque não pode exibir qualquer machucado. Fora isso, deve estar firme. A coloração esverdeada significa que ainda não está madura. Ela pode ser consumida natural ou como sorvetes e sucos.

Renata Dessordi

Renata Dessordi é nutricionista formada pela Universidade de Ribeirão Preto, especialista em Nutrição Clínica e Esportiva. Mestra em Alimentos e Nutrição pela Unesp. Doutoranda em Alimentos e Nutrição pela USP/Unesp. Auriculoterapeuta Francesa.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: