Estudantes recebem cestas de alimentos e hortifrutis

O kit de alimento visa contribuir com produtos de qualidade às famílias durante esse período de Pandemia.

A administração municipal de Cravinhos, através da Secretaria de Educação, entregou dos dias 22 a 24 de setembro, em torno de 1.170 cestas de alimentos e produtos de hortifruti para os estudantes matriculados nas CEMEIs (creches) e escolas municipais de Educação Infantil.

As cestas de alimentos contam com: arroz, feijão, macarrão, açúcar, molho de tomate, sal, vinagre, fubá, óleo, achocolatado, biscoito e sardinha. Já a cesta de hortifrúti tem uma grande variedade de legumes e frutas, entre elas: beterraba, batata, batata doce, cenoura, abacaxi, cebola e laranja.

Foto: Kennedy Oliveira

“É muito importante podermos oferecer essa cesta de alimentos e também de hortifrutis para nossas crianças da rede municipal de ensino, e a cada semana vamos contemplando mais estudantes, assim atendendo a todos de nossa rede. Durante esse período de Pandemia as escolas estão fechadas, e essa cesta de alimentos substitui em parte a merenda escolar”, comenta o prefeito de Cravinhos, Itamar Bueno.

O kit de alimento visa contribuir com produtos de qualidade às famílias durante esse período de Pandemia, e também, através dos hortifrutis auxilia os produtores de agricultura familiar.

“Queremos agradecer o prefeito [Itamar Bueno] e o vice-prefeito [Márcio Barroso], pelo empenho e dedicação para possibilitar esses kits a todas as crianças de nossa rede municipal de ensino, e assim também dar a oportunidade que essas famílias possam ser atendidas com alimentos de qualidade”, diz a secretária municipal de Educação de Cravinhos, Márcia Fernandes Donato.

Foto: Kennedy Oliveira

Vale ressaltar que nas próximas semanas serão atendidos os alunos matriculados no Ensino Fundamental e também na APAE de Cravinhos.

Kennedy Oliveira

É formado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pelas Faculdades COC (atualmente Estácio). É pós-graduado em Comunicação: linguagens midiáticas, pelo Centro Universitário Barão de Mauá.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: