Campanha ‘Papai Noel dos Correios’ espera pelo aumento de padrinhos nesse ano

Crianças poderão levar as suas cartinhas manuscritas até o dia 08 de Dezembro em qualquer agência dos Correios do Brasil. Já os ‘padrinhos’ tem até o dia 15 do mesmo mês para adotar uma cartinha

A campanha “Papai Noel dos Correios” proporciona alegria no Natal de muitas crianças há 28 anos. Com parcerias com empresas e apoio da população este projeto tem levado o sentido do Natal para as crianças mais carentes do Brasil.

O projeto “Papai Noel dos Correios”, partiu da ideia de promover um encontro das crianças com o ‘Bom velhinho’, uma vez que antes os carteiros não sabiam o que fazer com as centenas de cartas endereçadas ao Papai Noel. E sensibilizados com o conteúdo, de algumas delas, os empregados procuravam atender aos pedidos por meio de ação solidária entre os colegas e a comunidade.

“As crianças podem ir até a agência dos Correios e levar suas cartinhas até o dia 08 de Dezembro, entretanto devem seguir alguns pré-requisitos: como ter até 10 anos de idade, as cartinhas tem que ser manuscritas e enviada apenas uma por criança!”, explica a assessoria de comunicação dos Correios.

Muitos pais não têm condições se quer de comprar uma boneca ou um carrinho para seus filhos, mas as crianças sentem a necessidade de brincar, até mesmo para não ficarem nas ruas. Entretanto já aconteceu casos de crianças pedirem cestas básicas, empregos para os pais, e dessa maneira abdicando do tão sonhado brinquedo.

“Nesse ano as crianças devem pedir preferencialmente brinquedos, material escolar ou roupas, porque os Correios não farão a entrega de cestas básicas, uma vez que são alimentos que podem vir a vencer e não teríamos onde armazenar tudo”, ressaltam os Correios. E ainda completam “na medida que os presentes chegam começamos a distribuir, pois senão o Papai Noel não consegue realizar a entrega e o sonho de todas as crianças.

E quem quiser ser padrinho de uma cartinha tem até o dia 15 de Dezembro para fazer isso, inclusive com a entrega do presente na agência dos Correios em que foi feita a adoção. A expectativa da empresa para este ano é aumentar o número de padrinhos – responsáveis por adotar as cartinhas e atender aos pedidos das crianças.

Os presentes são recebidos nas agências dos Correios. Não é permitida a entrega direta do presente e o endereço da criança não é fornecido para que seja preservada a imagem da criança e a figura do Papai Noel.

Em alguns Estados adoção poderá ser online

Este ano, o “Papai Noel dos Correios” conta com uma novidade, a adoção de cartinhas on-line. Moradores das cidades de Belém, Cuiabá, Porto Alegre, Recife e São Paulo (região metropolitana) poderão adotar uma cartinha on-line, só que o período é somente até o dia 1º de Dezembro. Para a adoção e informações o site é o https://blog.correios.com.br/papainoeldoscorreios/

Autor

Kennedy Oliveira

É formado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pelas Faculdades COC (atualmente Estácio). É pós-graduado em Comunicação: linguagens midiáticas, pelo Centro Universitário Barão de Mauá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *