‘Cravinhos é uma grande parte de mim, uma das minhas motivações é trazer orgulho pra minha cidade’

Matheuzão atualmente é atleta do Clube de Regatas Flamengo, mas nunca deixou de ressaltar que despontou devido ao projeto social do Basquete de Cravinhos.

Hoje (10/03) apresentamos a segunda história da nossa série de reportagens “Personagens de Cravinhos”, em que estamos retratando diversas pessoas do município cravinhense, que celebra seus 145 anos no próximo dia 19 de março. O projeto consiste em mostrar, durante o mês de março, um pouco das pessoas que levam o nome da cidade por todos os cantos do mundo, bem como se destacam na própria cidade, com seus empreendimentos, talento, simplicidade e carisma.

E hoje contamos a história do atleta Matheus Weber Barcelos, mais conhecido como Matheuzão, que tem 21 anos, e vem se destacando pelo Brasil, através do basquete. Ele iniciou sua trajetória no projeto social das escolinhas de basquete da cidade, aos poucos foi se destacando nas competições regionais, estaduais e nacionais. Começou a receber diversas propostas, conquistou uma bolsa de estudos através do esporte e com o apoio de seus treinadores e família foi crescendo na profissão.

Matheus Weber está atuando pela equipe do Clube de Regatas do Flamengo
Foto: Arquivo Pessoal

“Cravinhos foi de suma importância para meu início de carreira no basquete. É o local em que comecei a jogar e onde tive a oportunidade de crescer e evoluir o meu jogo. Em Cravinhos pude ter muita visibilidade e conquistas importantes que me ajudaram a chegar onde estou e, com certeza, somaram para que pudesse ter essa grande oportunidade de jogar no Flamengo”, diz o atleta cravinhense e que hoje está na equipe carioca.

O ala Matheuzão, antes de chegar ao Flamengo, passou pelo Paulistano e depois ainda foi emprestado pelo time carioca para a Liga Sorocabana, em que atuou no último ano, mas já conquistou a importante taça do NBB (Novo Basquete Brasil), temporada 2018/2019, quando teve a oportunidade atuar ao lado de grandes nomes da seleção brasileira, entre eles Sandro Varejão, Balbi e Olivinha.

Acompanhe o nosso bate-papo com o cravinhense Matheus Weber, que tem se destacado nas quadras de basquete pelo Brasil.

Matheuzão atuou, no último ano, pela equipe da Liga Sorocabana
Foto: Arquivo Pessoal

InterTV Web – Hoje você se tornou um grande jogador de basquete, mas nos conte um pouco como foi o dia que decidiu que seria jogador de basquete.

Matheus Weber – Desde pequeno me interessava muito por esportes mas o basquete sempre era o preferido, e com 11 anos decidi que queria viver disso.

InterTV Web – Se você não fosse jogador de basquete, o que pensaria em ser?

Matheus Weber – Pensaria em ser fisioterapeuta, pois assim poderia ajudar os atletas e ainda estaria dentro do esporte.

InterTV Web – Você se destacou em diversos clubes, e vem ganhando seu reconhecimento na modalidade. Qual foi a maior sensação que você já teve como atleta?

Matheus Weber – A maior sensação foi ser campeão do NBB com o Pedrocão [tradicional Ginásio de Esportes de Franca] lotado, foi único.

Momento que o atleta cravinhense atuava pela cidade
Foto: Arquivo Pessoal

InterTV Web – Você está atuando pelo Flamengo. Você ainda pretende atuar fora do país e chegar à seleção brasileira?

Matheus Weber – Com certeza, essa é uma das minhas metas. Alcançar a seleção brasileira, Europa e também NBA.

InterTV Web – Qual o momento mais marcante que você teve com o basquete?

Matheus Weber – O momento mais marcante foi em 2015, quando em uma partida fui considerado melhor atleta do interior de São Paulo, porém não sabia que minha avó havia falecido, isso me marcou muito.

InterTV Web – Qual a história mais marcante que você tem com a cidade de Cravinhos?

Matheus Weber – A história mais marcante que tenho com Cravinhos, foi no Final Four do Campeonato Paulista Sub-17 quando levamos um ônibus com mais de 100 torcedores para o Palestra Itália, na capital paulista, mostrando a força cravinhense para os grandes clubes de São Paulo.

InterTV Web – O que Cravinhos significa em sua vida?

Matheus Weber – Cravinhos é uma grande parte de mim, uma das minhas motivações é trazer orgulho pra minha cidade. Tenho muita gratidão por tudo o que me foi proporcionado. E desejo levar Cravinhos por onde eu passar.

Foto: Arquivo Pessoal

InterTV Web – Qual a mensagem que você deixa para Cravinhos em seus 145 anos?

Matheus Weber – Primeiramente gostaria de dizer que sou muito grato a cidade, e espero que continuemos a investir nos esportes, na educação, na dança, entre outros. Assim poderemos mostrar o potencial que tem a pequena grande Cravinhos.

InterTV Web – Suas considerações finais.

Matheus Weber – Queria agradecer a oportunidade de falar um pouco sobre a minha trajetória e poder demonstrar o que a cidade representa para mim. Espero continuar dando muito orgulho a cidade, e pedir para que todos se cuidem nesse momento complicado, mas com fé e cuidado as coisas vão melhorar.

Kennedy Oliveira

É formado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pelas Faculdades COC (atualmente Estácio). É pós-graduado em Comunicação: linguagens midiáticas, pelo Centro Universitário Barão de Mauá.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: