‘Cravinhos é a minha cidade do coração’

Luiz Biagi é empresário, foi patrono da Feira do Livro de Cravinhos e é fundador da Fundação Primeiro Mundo. Também auxilia as entidades filantrópicas da cidade e tem um imenso carinho pela cidade que tão bem lhe acolheu.

Hoje (26/03) apresentamos a nona história da nossa série de reportagens “Personagens de Cravinhos”, em que estamos retratando diversas pessoas do município cravinhense, que celebrou seus 145 anos no dia 19 de março. O projeto consiste em mostrar, um pouco das pessoas que levam o nome da cidade por todos os cantos do mundo, bem como se destacam no próprio município, com seus empreendimentos, talento, simplicidade e carisma.

E vamos contar a história do empresário, Luiz Lacerda Biagi, que tem mostrado uma grande responsabilidade social, além de ajudar algumas entidades filantrópicas de Cravinhos, também criou a “Fundação Primeiro Mundo”, que busca investir em pessoas que tenham aptidões, criatividade e capacidade de realização, além de um currículo escolar formidável.

O empresário, Luiz Biagi, tem mostrado uma grande responsabilidade social, além de ajudar algumas entidades filantrópicas de Cravinhos, também criou a “Fundação Primeiro Mundo”
Foto: Arquivo Pessoal

Luiz Biagi, chegou em Cravinhos em 1982, e viu a cidade passar por muitas mudanças.

Mas na década de 70 a empresa de sua família já havia montado duas fábricas no município: Zanini – Renk e AKZ – Turbinas.

“Nesse período a cidade se transformou completamente, com bons prefeitos, bom judiciário, excelentes entidades, entre elas a ONG SARA e a creche das Irmãs Franciscanas, temos excelente educação, saneamento básico, entre outras benfeitorias”, diz Luiz Biagi.

E nessa semana a nossa equipe de reportagem esteve com o o empresário Luiz Biagi para bater um papo descontraído, em que ele contou diversos fatos sobre a Fundação Primeiro Mundo, as melhorias da cidade e os investimentos. Acompanhe!

Luiz Biagi é o idealizador da Fundação Primeiro Mundo
Foto: Arquivo Pessoal

InterTV Web – Como surgiu a ideia da criação da Fundação Primeiro Mundo?

Luiz Biagi – A Fundação Primeiro Mundo surgiu em 1979 e já formou milhares de pessoas, incluindo muitos de Cravinhos. Diante do quadro que o país apresenta, muitas pessoas que possuem capacidades e aptidões excepcionais não encontram possibilidade de desenvolvimento, pois não possuem condições financeiras de investir em seu próprio potencial, e não conseguem apoio, dessa forma inúmeros talentos são desperdiçados. A Fundação Primeiro Mundo surgiu para investir nesse público.

InterTV Web – Qual a responsabilidade desses jovens que tem essa oportunidade da bolsa de estudos?

Luiz Biagi – Esses talentos descobertos pela Fundação comandam muitas empresas, no Brasil e no exterior. Os jovens escolhidos tem inteligência acima da média. Isso faz com que eles se destaquem muito no mercado de trabalho.

InterTV Web – Recentemente o senhor foi patrono da Feira do Livro de Cravinhos. Qual foi a sensação?

Luiz Biagi – Ser patrono da Feira do livro foi uma emoção imensa pra mim. Eu amo a leitura e foi uma oportunidade de conviver com pessoas muito preparadas e carinhosas.

Durante o revezamento da tocha olímpica em 2016, Luiz Biagi, foi escolhido uma das pessoas para representara região
Foto: Arquivo Pessoal

InterTV Web – Como o senhor vê atualmente a economia do Brasil?

Luiz Biagi – O Brasil está sofrendo profundamente com a Pandemia. O futuro está bastante prejudicado com isso tudo que está acontecendo.

InterTV Web – O senhor acredita que o Governo está tratando de forma correta a Pandemia no país?

Luiz Biagi – Eu acredito que todos governantes, do mundo todo, ficaram completamente perdidos com esse vírus.

InterTV Web – O que a cidade de Cravinhos significa para o senhor?

Luiz Biagi – Pra mim Cravinhos é a minha cidade do coração, onde criei meus filhos e tenho os meus interesses.

“O que eu mais gosto, em Cravinhos, são as pessoas e o clima maravilhoso do lugar”
Foto: Arquivo Pessoal

InterTV Web – Qual a história mais marcante que o senhor teve com a cidade de Cravinhos?

Luiz Biagi – O que mais me marcou aqui foi encontrar pessoas e atividades que mudaram a minha vida pra sempre.

InterTV Web – O que você mais gosta de Cravinhos?

Luiz Biagi – O que eu mais gosto são as pessoas e o clima maravilhoso do lugar, além claro da qualidade de suas terras.

InterTV Web – Nesse mês de aniversário da cidade de Cravinhos, qual a mensagem que o senhor deixa à população cravinhense?

Luiz Biagi – Vamos lutar para que Cravinhos cresça com bons políticos e bons educadores como tem hoje.

InterTV Web – Suas considerações finais.

Luiz Biagi – Espero poder sempre contribuir para o desenvolvimento da cidade e de seus habitantes.

Kennedy Oliveira

É formado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pelas Faculdades COC (atualmente Estácio). É pós-graduado em Comunicação: linguagens midiáticas, pelo Centro Universitário Barão de Mauá.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: