Confira o que acontece no agronegócio

O que acontece durante a semana no agronegócio você acompanha aqui na Intertv Web.

O colunista Gustavo Batista traz toda semana na coluna “Agro Minuto”, o que aconteceu na semana no mundo do agronegócio. Acompanhem!

EXPORTAÇÕES 2020

Associação de Comércio Exterior revisou as previsões para a balança comercial de 2020. Os dados projetados mostram queda de 13,9% nas exportações em relação a 2019, chegando a um total de US$ 192,721 bilhões. Apesar de fortes oscilações de preços, o volume dos três principais produtos da pauta de exportação − soja, petróleo e minério de ferro − aumentarão sua representatividade para 34%. É o sexto ano seguido que o complexo soja está na liderança nas vendas externas.

CARNE BOVINA CHINA

A demanda chinesa por carne bovina deverá dobrar nos próximos sete anos com a expectativa de aumento de consumo pela população asiática que atualmente come somente 4 quilos por habitante ao ano. A importação deverá atingir 8 milhões de toneladas antes do fim da década e grande parte será de origem brasileira. A estimativa é da Embaixada da China no Brasil. Hoje os brasileiros participam de cerca de 30% das compras do país.

É o sexto ano seguido que o complexo soja está na liderança nas vendas externas
Foto: Divulgação

EXPORTAÇÃO EGITO

O Brasil conseguiu a abertura para exportações de frango termo processado para o Egito. Ao todo 40 plantas frigoríficas foram habilitadas para a venda. O país já compra frango inteiro brasileiro e importou entre janeiro e junho deste ano mais de 39 mil toneladas do produto, volume 27% maior que em 2019.

EXPORTAÇÕES SP

O agronegócio paulista apresentou aumento nas exportações (+10%), alcançando US$ 8,03 bilhões. Os cinco principais grupos no comércio foram: Complexo Sucroalcooleiro (US$ 2,24 bilhões), Complexo Soja (US$ 1,48 bilhão), Carnes (US$ 1,09 bilhão), Produtos Florestais (US$ 807,65 milhões) e Suco de laranja (US$ 670,59 milhões). Juntos, os setores representaram 76,8% das vendas externas paulistas.

O Brasil conseguiu a abertura para exportações de frango termo processado para o Egito
Foto: Divulgação

A SECA E A CANA

O índice de chuvas 40% menor que a média histórica desde o início da safra de cana de açúcar contribuiu para o acúmulo de açúcar na planta. Com isso, o índice de Açúcares Totais Recuperáveis, o chamado ATR por tonelada de cana, alcançou 131,1 kg, ante 124,4kg em 2019. O valor é 5,6% superior. Estes números são positivos porque representam boa parte da remuneração dos agricultores.

DIA DA SUINOCULTURA

No último dia 24 de julho foi comemorado o dia da suinocultura. Nesta data, o setor celebra com a expectativa de produção de carne suína para 2020 que poderá alcançar em torno de 4,25 milhões de toneladas, número 4% a 6,5% superior em relação às 3,9 milhões de toneladas de 2019. O consumo per capita de carne suína deverá se manter estável, com total de 15,3 quilos per capita no ano. Em relação as exportações, o ano pode trazer pela primeira vez o comércio internacional de mais de 1 milhão de toneladas – 33% superior ao alcançado em 2019. Outro motivo pra comemorar é o fato do país ser livre de Peste Suína Africana, de Diarreia Suína Epidêmica, e ter a maior parte do território reconhecidamente livre de Peste Suína Clássica.

ATUALIZAÇÃO SAFRA CANA

No acumulado desde o início da safra até 16 de julho de 2020, a moagem de cana de açúcar da safra 2020/2021 alcançou 275,95 milhões de toneladas, aumento de 6,52% na comparação com o valor apurado no ciclo passado. O rendimento médio é de 85,9 toneladas de cana-de-açúcar por hectare. A produção de açúcar já atingiu na temporada 16,31 milhões de toneladas, contra 10,88 milhões de toneladas em igual período de 2019. Já a fabricação acumulada de etanol, alcançou 12,12 bilhões de litros, dos quais 8,63 bilhões de litros de etanol hidratado e 3,49 bilhões de litros de etanol anidro.

O índice de chuvas 40% menor que a média histórica desde o início da safra de cana de açúcar contribuiu para o acúmulo de açúcar na planta
Foto: Divulgação

Gustavo Batista

Gustavo Batista é jornalista há 20 anos com pós-graduação em gestão de comunicação. Tem experiência em rádio, tv, assessoria de imprensa e meios digitais. Já atuou em canais de tv como TV Clube, TV Record e TV Thathi. Atua há 10 anos no setor de Agronegócio.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: