A importância da hidratação e o que significa a cor da urina

A hidratação adequada é fundamental para que o organismo desempenhe suas atividades adequadas, como o transporte de nutrientes, por exemplo. A hidratação engloba desde a ingestão de água pura como a de outros líquidos, lembrando que a maior parte do que é ingerido deve ser proveniente da água pura.

A cor da urina reflete diretamente o grau de hidratação do organismo e ainda pode ser um indicativo de outras doenças. A cor, o aspecto e o cheiro podem revelar informações importantes sobre a saúde. Cores como âmbar, mel e amarelo-escuro são indicativos de desidratação já cores como laranja, esverdeada, acastanhada e vermelha podem indicar doenças do trato urinário como cálculo ou tumores, localizados nos ruins, ureteres e bexiga. A quantidade de água ingerida durante o dia tem relação direta com a concentração da urina.

A urina de um organismo saudável tem as seguintes características: quase transparente, sem cheiro, com o mínimo de espuma e não deve haver desconforto ao urinar. A média de água recomendada por dia para que a urina atinja essas características é de 2 litros. Além da hidratação, a ingestão dessa quantidade de água evitará o aparecimento de infecção urinária e cálculos. Porém, assim como a ingestão baixa de água pode causar problemas de saúde a ingestão em excesso também pode ser prejudicial. Outro fator importante é ir ao banheiro urinar quantas vezes forem necessário, pois permanecer horas com a bexiga cheia pode aumentar o risco de desenvolver infecção urinária.

Além da cor, é importante atentar-se ao cheiro da urina que pode indicar infecção do trato urinário. Além disso, quando a urina apresentar espuma, mais que o habitual, pode ser indicativo de perda de proteína por doença renal. Não pode ser esquecido que nem toda mudança na urina é indicativo de doença, por exemplo, quando ocorre ingestão de medicamentos pode haver alterações na cor, assim como com a ingestão de alimentos mais pigmentados como a beterraba, a amora e a cenoura, não sendo nesse caso nenhum problema de saúde.

A seguir uma lista sobre a coloração da urina e seus possíveis significados, lembrando que na dúvida ou na presença de qualquer alteração o melhor é procurar uma avaliação médica.

– Transparente: quando bebe muito água, talvez até em exagero.

– Amarelo palha muito claro: Normal

– Amarelo Transparente: Normal

– Amarelo Escuro: Normal, mas precisa beber mais água

– Âmbar ou mel: Indica desidratação, deve-se beber mais água.

– Espuma Efervescente: Pode indicar excesso de proteína na dieta ou problema renal.

– Laranja: Pode ser falta de água, ou por causa do pigmento da comida. Se persistir pode ser problema no fígado ou vesícula.

– Rosada/Avermelhada: Pode ser da comida. Se persistir, pode ser problema do fígado, vesícula, rim, próstata, infecção ou tumor.

– Acastanhada: Indica desidratação severa ou problema de fígado.

– Azulado ou esverdeado: Pode ser da comida, medicação, ou infecção bacteriana.

Autor

Renata Dessordi

Renata Dessordi é nutricionista formada pela Universidade de Ribeirão Preto, especialista em Nutrição Clínica e Esportiva. Mestra em Alimentos e Nutrição pela Unesp. Doutoranda em Alimentos e Nutrição pela USP/Unesp. Auriculoterapeuta Francesa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *