Android usado vale a pena?

Já escrevi aqui se valia ou não a pena comprar iPhone usado. Agora é a vez de falar sobre o Android. O sistema operacional mais utilizado no mundo, que domina o mercado de smartphones.

Samsung S8 já em pré-venda nos sites de varejo, na faixa de R$4 mil reais para o modelo mais “básico”, chegando a R$4,4 mil para o modelo Plus, com tela maior. Os mesmos questionamentos do outro artigo se aplicam aqui: será que eu preciso de um aparelho top de linha?

Se você não é nenhum maníaco por tecnologia, um geek, um early adopter, daqueles que fazem fila para ser um dos primeiros a por a mão no aparelho recém lançado, será que o lançamento foi feito para você?

Cheguei a ter um Samsung S7 Edge (atualmente na faixa de R$2 mil), agora só me restaram as parcelas depois que o aparelho foi roubado. Estou usando um S3 (doado para mim, ou seja, custo zero), aparelho top de linha lá pelos anos 2012. A diferença de 4 anos entre os aparelhos é perceptível, claro, mas é possível se fazer o básico e até um pouco mais com relativo conforto.

Acessar redes sociais, navegar na internet, assistir vídeos no Youtube e tirar fotos são tarefas bem executadas. Alguns jogos mais recentes e pesados talvez nem rodem, mas os casuais rodam bem. O sistema operacional não recebe atualização há um bom tempo, diferente dos iPhones que recebem suporte por cerca de 5 anos. Atualizações de segurança ainda são disponibilizadas para os Androids.

Isso deve-se ao fato de a fabricante personalizar o sistema para o aparelho específico, o que demanda muito tempo e investimento. Como todo ano surge um novo, o foco passa para o lançamento.

Dependendo o uso que você fará do celular, um aparelho usado dá conta do recado. Pode ser um top de linha de 1 ou 2 anos, certamente atenderá muito bem a necessidade da maioria. Se for um modelo mais simples e antigo, pode não ser muito recomendado.

Emir Freiberger

Formado em comunicação social com habilitação em jornalismo. Pós graduado em artes visuais, trabalha entre o mundo das artes e programação de sites e programas web.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: